Brigitte Calegari | Blog

10.06.22

MAKE DE CINEMA

BRIGITTE CALEGARI

Tem coisa mais deliciosa do que se inspirar nas maquiagens das estrelas de Hollywood? Sim, elas são referências obrigatórias para quem gosta de make! A seguir, nossa top 10.

Elizabeth Taylor, em Cleópatra
Vamos combinar: deusa absoluta. Apesar de ter sido influenciada pela estética dos anos 1960, essa maquiagem está mais atual que nunca! São os primórdios do delineado gráfico, vazado e com glitter – e da sombra color block  azul, verde ou dourada. E quer saber? A responsável pelos looks é a própria atriz, porque o maquiador italiano Alberto Rossi adoeceu. Liz tinha estudado as referências e técnicas necessárias e assumir o makeup. Destaque: o lápis de olho preto é usado nas sobrancelhas e no desenho do delineado para formar as asas. Para finalizar, blush rosado e um batom quase nada. 
Sophia Loren, em Arabesco
Diva dos anos 1950 e 1960, ela continua um ícone até hoje. E, vamos combinar, colocou o delineado geométrico definitivamente na lista dos Top 10 da maquiagem. Não à toa, Lana Del Rey, Adele e Katy Perry copiam até hoje. Ela mesma era expert no traçado no canto dos olhos, superdramático, geomátrico, pesadão mesmo. Seu segredo? Muitas camadas de máscara para cílios para dar toda a atenção que seus grandes olhos verdes merecem. Sophia também usava lápis nude na linha d'água inferior para abrir o olhar (o truque, que diria, viralizou no Tik Tok). As sobrancelhas da moda eram arqueadas. Os lábios, volumosos, mas raramente com batom vermelho. A musa preferia batons nude ou rosados com um leve brilho bem no centro dos lábios, para dar ainda mais volume.
 Natalie Portman, em Cisne Negro
Pele pálida e matte, olhos dramáticos com todas as nuances de sombras pretas, lábios cor de vinho. A maquiagem de Natalie Portman no filme marcou época. A make dos olhos ganhava desenhos que cobriam toda a pálpebra superior e ultrapassava todos os limites do côncavo, quase uma máscara, com puxadinho na parte interna dos olhos. Os cílios também eram importantes – super alongados e volumosos.
 Mia Farrow, em O Bêbe de Rosemary
Sardas à mostra (visionária a moça, não?), cílios inferiores cuidadosamente realçados com máscara (até meio grudadinhos): essa era a fórmula da maquiagem de Mia Farrow nesse filme de terror clássico. As maçãs do rosto e os lábios eram naturalmente coradinhos em tons rosados ou coral. 

Marilyn Monroe, em Quanto Mais Quente Melhor
Anote aí: make sedutor precisa de olhos e lábios em destaque. E é isso o que a gente vê nesse clássico. Você não vai acreditar, mas o filme foi rodado em preto e branco por causa da maquiagem feminina criada para os personagens travestidos – os dois músicos Joe (Tony Curtis) e Jerry (Jack Lemmon) testemunham o assassinato de um grupo de gângsteres e ara escapar da máfia, se disfarçam de mulher paratrabalhar em uma banda só de moças (onde, lógico, conhecem Sugar Kane, vivida por Marilyn Monroe. O responsável pela produção da atriz é o maquiador e amigo pessoal dela, Allan Snyder. Ele usava vaselina aplicada como primer para dar viço à pele; dois tons de batons vermelho (mais escuro para contorno dos lábios e o mais claro para preenchimento); lápis para os olhos marrom e preto; cílios postiços cortados ao meio e colados apenas nos cantos externos. Sexy!
  
 Audrey Hepburn, em Bonequinha de Luxo
Outro clássico obrigatório – o filme e o make. O delineador da atriz se tornou sonho de consumo até hoje. A ideia era chamar a atenção para os olhos de Audrey. Como? Com um make leve e natural, sinônimo de sofisticação nos anos 1960 e copiado até hoje, mais de sessenta anos depois. A maquiagem varia de intensidade dependendo da cena, mas a fórmula se mantém: pele perfeita, blush claro; batom cor de boca rosado, sombra quase do tom da pele e sem brilho, delineador nude na linha d´água dos olhos. Destaque: as cenas noturnas ganharam olhos com um suave esfumado nos cantos externos. Muita máscara para cílios e páh!
 
Kirsten Dunst, em Maria Antonieta
Essa make de época do filme de Sophia Coppola já foi até tema de aula com Dindi Hojah – quem não estava lá, perdeu! Pele alva, blush forte (e rosa, mimetizando aquele coradinho de frio de inverno, sabe?) e marcado, superfeminino. O batom combinava com o blush para um visual monocromático – moderno! Os olhos tinham sombrinha discreta marrom só para dar profundidade, sem máscara para cílios. Delicado!
 Rita Hayworth, em Gilda
Nunca, meus caros, nunca houve uma mulher como Gilda. Quem já viu o filme, sabe. É a atriz Rita Hayworth surgir na telona para os queixos caírem e todo mundo ficar sem fôlego. A pele irretocável, praticamente sem blush, dava foco aos olhos e aos lábios.. As sobrancelhas eram ruivas para combinar com os cabelos), finas e arqueadas. Alerta de tendência: para dar o ar extra sexy, os cílios eram mais longos nos cantos externos. A boca, com formato de coração, vinha em vermelho fechado para a maior  femme fatale de todos os tempos.
Cassandra Peterson, em Elvira, a Rainha das Trevas 
Esse filme de Sessão da Tarde marcou época. A personagem foi criada nos anos 1980 para o programa Movie Macabre, no qual Elvira apresentava filmes de terror e fazia comentários sobre eles. O vestido preto inspirado em Mortícia Addams, a peruca volumosa, além da imagem das pin-ups são coroados por um olhar marcante que vai além do delineado gatinho, unhas compridas quase vampirescas e pretas. Segundo Cassandra, a maquiagem do rosto foi inspirada no teatro japonês kabuki, com cores como vermelho e rosa no rosto bem pálido.
 Michelle Pfeiffer, em Scarface
Os anos 1980 eram… sexy. O que isso significa? Olhos esfumados no foco (ela gostava de tons marrons e cinza para destacar seus olhos claros), no melhor estilo smokey eye  + cílios destacados e lápis nude na linha d'água. Pele sempre fresh e iluminada, base de cobertura leve, natural e cremosa, blush marcado (estamos falando dos anos 1980, né?), com direito a contorno. Em Scarface, ela ousa com batom vermelho.

Beijos, Brigitte.
VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE

11.03.22

COMPILADO BELEZINHAS DO FASHION WEEK

BRIGITTE CALEGARI

Vamos combinar, já está virando até uma tradição comentar as semanas de moda internacionais por aqui. Mas quem resiste? Particularmente, os últimos desfiles trouxeram algumas das belezas mais lindas dos últimos tempos. Vem ver meus highlights aqui.

Versace
Pat McGrath apresentou três belezas: a primeira, bem dramática com sobrancelhas apagadas (que era algo que a gente já previa para este ano) + um olho alongado preto com textura, não totalmente opaco. A segunda foi uma coisa meio nude, um no makeup look. Mas era interessante. Aliás, gostei do match do batom com blushezinho, ficou muito bom. E a terceira era bem bonita, com lábios num vinho mais fechado e frio, bem contornados e delineados, olho com marrom bem clarinho, quase bronze.


Gucci 
Amei as belezas, criativas e belas. O ponto alto foi o uso da cor Pantone de 2022, o Very Peri, aquele azul mais violeta. Usada nos lábios com efeito bem laqueado lindo e limpo, adorei! Em outros looks, olhos meio delineados, contornados em cima e embaixo, num shape mais orgânico, não tão reto, com curvas e cristais – uma coisa que a gente tem visto muito e que vai continuar. Ah! Também amei folhinhas de ouro metalizadas na pálpebra, fáceis de aplicar, que rendem um efeito surpreendente em pouco tempo.

Dior
Ameeei, uma coisa muito vida real. Mostra que de fato que você consegue criar coisas interessantes com poucos produtos. Tinha canto interno metalizado, iluminado, em prateado (que a gente estava vendo e apostando para este ano também), pele semi-mate e boca bem natural. Parece até que as modelos estavam só com um balm. Uma coisa minimalista mas de efeito.

Miu Miu
A pele bem limpa semi-matte, vira uma verdadeira tela para lábios e olhos (sim!) saltarem. A boca tem esse contorno esfumadinho que eu adorei, meio blur com gloss, nesse tom lindíssimo. Os olhos, apesar de muito suaves, marcam presença com esse leve esfumadinho, só para criar uma moldura. Amei!

Chanel
Chanel teve os cabelos mais lindos dessa edição do PFW. Na make, sobrancelhas penteadas, muita máscara em cima e embaixo, e pele de deusa também semi-matte. Blush ora simplesmente para dar volume ao rosto, ora mais fresh e coral, lábios hidratados e saudáveis.

Hermès
Uma coisa assim bem clássica: cores neutras, um marrom mais quente esfumado suavemente nos olhos, que ficou interessante pela textura da pálpebra (que tinha um efeito mais molhadinho). A raiz dos cílios superiores estava delineada e marcada, a pele semi-matte (de novo!). Boca bem naturalzinha também, só um balm com leve cor. 
Valentino
"Think pink, but don't wear it." Essa frase do Karl Lagerfeld marcou minha adolescência e me lembrei logo quando vi as primeiras imagens do desfile, risos. Fato é que Adorei a beleza do desfile. Já era de se esperar uma coisa mais dramática mesmo, porque Valentino lançou sua linha de beleza há pouco tempo. A gente viu tudo monocromático, inclusive a beleza. Olhos dramáticos em um pink bem vivo, opaco, vibrante, contorno levemente alongado em cima e embaixo com extremidade abaulada e uma pele bem iluminada. Para equilíbrio, boca nada. Dramático sem ser over. E algumas belezas mais limpas, tipo nomakeup look, tão lindo quanto.


Simone Rocha
Toda a dramaticidade da maquiagem veio por meio das pedrarias, bem Euphoria (que apesar de ter acabado, segue forte). Mostra que é possível sim trazer pedrarias para a vida real. No desfile elas eram bem maxi: olhões dramáticos com cristais em cores também: preto, verde e vermelho + pérolas. Eram quase máscaras. O restante da pele sem blush e sem batom, para equilíbrio.
YSL
Olha a cor Very Peri, eleita pela Pantone para 2022, aí de novo! É o mesmo tom usado na Gucci, criando esses olhos bem dramáticos com shape arredondado. E os lábios vieram mais contornados, uma tendência que a gente tem visto bastante também!


Me contem aqui qual a sua belezinha preferida!
Beijos,
Brigitte.

VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE

24.01.22

TESTADO E APROVADO: ULTRAFORMER

BRIGITTE CALEGARI

Busca por aquela mudança de beleza de começo de ano? Esse aparelho power pode ser a solução se você quer contorno mais definido e firmeza. 

Gente, vou trintar ano que vem, né? Então, já tô fazendo minha poupança de colágeno. Por isso, fiz uma sessão de Ultraformer – no terço inferior do rosto e na papada. O resultado da papada eu vi na hora – grudou. Fiquei chocada. E diminuiu também, claro. Senti tudo mais firme! E olha que o melhor resultado vem a longo prazo – em até 3 meses.

Por isso, resolvi contar para vocês em detalhes tudo sobre esse aparelho da Medsystems, com a ajuda da dermatologista Helua Gazi, que está me acompanhando.  

TODO O PODER DO ULTRAFORMER X GORDURA

A tecnologia do ultrassom micro e macrofocado é muito interessante porque se trata de uma onda mecânica que promove o aquecimento – o que gera uma zona de coagulação. "Então, dependendo da profundidade de cada ponteira, um resultado diferente é alcançado. 
As ponteiras macrofocadas atuam mais profundamente e seu alvo são os adipócitos. Assim diminuem a gordura localizada e podem ser realizadas nos flancos, no abdômen, nos braços, na papada, na sobrinha do sutiã, no emagrecimento do rosto com efeito bichectomia like", explica Helua.  

Feita a coagulação e a necrose do adipócito, há a diminuição da gordura naquela área! 
MUITO MAIS FIRMEZA
 
As ponteiras microfocadas também têm profundidades distintas e podem atuar na ancoragem muscular e com isso há sustentação do rosto, melhoria do umbigo triste, contorno do bumbum. "Além disso há também estímulo de colágeno, com melhoria da sustentação e firmeza", fala Helua. As ponteiras de micro trabalham na ancoragem muscular, no efeito lifting, diminuem o aspecto bulldog, definindo e "levantando" o rosto. "Gosto de associar com aplicação de bioestimuladores de colágeno, o que potencializa em 7X o resultado", fala Helua

E existem ainda as ponteiras que estimulam colágeno, que tratam muito bem área dos olhos, fazendo elevação das pálpebras e combatendo a flacidez. "Para a papada, também são exceletes."

O resultado pode ser visto a partir de 30 dias, com pico em torno de 45 dias. 


QUANTAS SESSÕES SÃO NECESSÁRIAS?

O número de sessões depende da área a ser tratada e se há associação com outros tratamentos. "Por exemplo, há otimização de resultados quando associamos a tecnologia do ultrassom com procedimento injetável de bioestimulador de colágeno", explica Helua.

No geral, são indicadas 3 sessões para papada e terço médio do rosto, por exemplo, assim como para tratamento corporal. 

VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE

17.12.21

GUIA DE PRESENTES PARA QUEM AMA BELEZA ATÉ R$ 300

BRIGITTE CALEGARI

E para completar o Guia de Presentes também temos o guia até R$ 300,00.
Também confesso que gostaria de ganhar vários presentinhos desses!

Ainda na dúvida de qual presente comprar para aquela mais que especial? Confira os Guias de Presentes desse ano e tenho certeza que não existirá mais dúvidas!



Vários presentinhos bem chiquetosos, não é?
Espero que gostem!

Beijos, 
Brigitte.
VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE

17.12.21

GUIA DE PRESENTES PARA QUEM AMA BELEZA ATÉ R$ 100

BRIGITTE CALEGARI

Festas de fim de ano já acontecendo e eu aposto que estão todos procurando presentinhos para presentar aquela pessoa especial.  

Sempre rola uma du?vida sobre o que comprar (e fazer bonito!) com os amigos, fami?lia ou crush, na?o e??! Enta?o euzinha aqui fiz uma curadoria de mimos super legais por ate? R$100 pra voce? ser lembrada com amor e carinho nesse pro?ximo amigo secreto!

Sa?o presentes versa?teis e que combinam com diferentes estilos - e vale destacar que as marcas capricharam nos valores e ate? mesmo montagem de kits para este Natal?????

Tem vários que eu amaria receber aqui, viu?! ??


E também, é claro que não pode faltar outros produtinhos que seria incríveis de ganhar de Natal que vão além da maquiagem!


Contem aqui pra mim o que acharam!
Beijos, 
Brigitte.

VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE

23.09.21

CINCO LIVROS DE CABECEIRA QUE TODO MAQUIADOR PRECISA LER

KARINA HOLLO

Quem disse que maquiagem é só sobre pincéis e paletas coloridas? Pode acreditar, alguns livros são essenciais para a carreira de um maquiador. "Muita gente pergunta quais livros sobre maquiagem eu indicaria, então, aqui vão eles", fala Brigitte Calegari. "Tem um pouco de tudo: desde a história da maquiagem (acho super importante saber como essa área foi evoluindo ao longo do tempo), até técnicas e passo a passo ensinados por mestres como a americana Lisa Eldridge e a australiana Rae Morris, além do mito brasileiro Duda Molinos", continua. Pronta para turbinar sua bancada – ops, biblioteca – de make? #PartiuLeitura

MAKEUP MANUAL BOBBI BROWN: FOR EVERYONE FROM BEGINNER TO PRO
A marca de beleza que revolucionou o mercado em 1992, com 10 bases em bastão (já de olho na diversidade), sempre teve o propósito de valorizar – não de esconder. Pode ser mais visionário e atual? A maquiadora americana Bobbi Brown conta que criou sua linha de produtos porque estava cansada de batom vermelho. Fato é que ela sempre foi adepta da beleza natural, verdade seja dita. Neste livro, ela entrega desde noções básicas de cuidados com a pele até  dicas de como encontrar a cor certa e o tipo de base para qualquer tom de pele, aplicar make nos olhos (sobrancelhas, delineador, sombra, máscara para cílios). Isso sem falar de estratégias sobre blush, bronzer, batom... Cada capítulo tem instruções básicas passo a passo + fotos e desenhos. Bônus: segredos de beleza que só os maquiadores sabem (incluindo como trabalhar com fotógrafos e celebridades). "É uma verdadeira aula de maquiagem, acho indispensável para quem quer se tornar ou já é maquiador. Tem desde o estudo dos variados tipos de pele, quais produtos mais adequados para cada um, truques práticos… Ensina até a como montar uma maleta profissional", conta Brigitte Calegari. 

 FACE PAINT: THE STORY OF MAKEUP, LISA ELDRIDGE  
Pintar rosto e corpo é uma das práticas sociais globais mais antigas. Nesse livro, a maquiadora Lisa Eldridge (que tem uma lista de clientes famosas de páginas e páginas, incluindo Dua Lipa, Kate Winslet, Keira Knightley, Nicole Kidman) Lisa Eldridge, conhecida por seus looks de tapete vermelho frescos e perfeitos, fala sobre a história da maquiagem. A publicação logo se tornou um best-seller do New York Times (e hoje está publicado em nove idiomas). Ela também é uma das maiores colecionadoras de maquiagem vintage do mundo, incluindo o porta-batom que Cartier fez para Audrey Hepburn em 1954. Atualmente, ela é Diretora Criativa Global da Lancôme (desde 2015), trabalhando no desenvolvimento de produtos, campanhas publicitárias e estratégia digital. Isso depois de passar por Chanel e Shiseido. Foi uma das primeiras maquiadoras profissionais a ter seu próprio site e transmitir tutoriais do You Tube. No livro, ela fala de maquiagem desde os tempos egípcios até a era vitoriana e a era de ouro de Hollywood. "Mais uma leitura obrigatória para profissionais da beleza, incrível para quem é curioso. A Lisa aborda de fato toda a história da maquiagem e o uso das cores. A gente passa a entender de forma mais ampla e concreta as referências que usamos até hoje!"



DIA DE BEAUTÉ: UM GGUIA DE MAQUIAGEM PARA A VIDA REAL, VIC CERIDONO 
O DDB foi um dos primeiros blogs de beleza do Brasil há quase 15 anos! Sua linguagem fácil e descomplicada logo fez sucesso. E é assim também o livro da jornalista e influencer de beleza Vic Ceridono (que hoje mora em Londres). Ela dá dicas para se aventurar em maquiagem de festa, esfumados curinga para jantares românticos ou casamentos, batom vermelho… Os truques de Vic são acessíveis, vindas de quem experimentou de tudo para descobrir o que vale mesmo a pena. "Um livro fofo, focado em maquiagem pessoal, com truques e dicas para colocar em prática no dia a dia", diz Bri.

MAQUIAGEM, DUDA MOLINOS 
Ele foi o primeiro a trabalhar exclusivamente nos sets de foto e gravação, nos anos 1980. Participou do Phytoervas Fashion, embrião do SPFW, nos anos 1990. Teve sua própria linha de maquiagem nos anos 2000… Duda Molinos foi o percursor do movimento que tirou os maquiadores e cabeleireiros dos salões para levá-los aos backstages dos desfiles, às gravações publicitárias e aos editoriais das revistas. Um mestre cheio de talento e genialidade. Neste livro, ele traz informações indispensáveis a todos que buscam formação profissional na área. Além de entregar dicas e truques, também traz passo a passo das técnicas de preparação da pele até a finalização. Com um capítulo sobre Cosmetologia, a ciência que está revolucionando a indústria da beleza. "Foi meu primeiro livros de maquiagem e deve ter sido o primeiro de muitos outros maquiadores. Tem muita coisa prática… O Duda mostra o poder da maquiagem, com muitas transformações ao fim do livro, com informação atemporal", indica.

 MAKEUP MASTERCLASS, RAE MORRIS
Ela é uma das maquiadoras mais influentes do mundo – suas obras-primas estão estampadas no rosto de modelos, atores e celebridades internacionais. Makeup Masterclass é seu sexto livro e nele a maquiadora australiana compartilha todos os segredos de maquiagem de sua incrível carreira de 25 anos, revelando técnicas com a ajuda de fotografias e passo a passo. São mais de 40 looks, descritos com linguagem fácil. Ótimo para aprender os segredos da aplicação de base perfeita, make para os olhos, sobrancelhas, contornos matadores, bronzers, como disfarçar os sinais de envelhecimento e muito mais. "Além de ser um livro belíssimo, com belas imagens, referências e maquiagens, ele tem muita informação teórica. Sabe aquele livro que você consegue revisitar ao longo de toda a sua carreira? É esse!", finaliza Bri.


VEJA TAMBÉM
DICAS DE FOTOGRAFIA PARA MAQUIAGEM
MINHA ROTINA DE CUIDADOS COM A PELE